sicnot

Perfil

País

Jardins da residência do primeiro-ministro abertos ao público todos os domingos

Os jardins do Palacete de São Bento, residência oficial do primeiro-ministro, vão estar abertos ao público todos os domingos já a partir desta semana, anúncio que tinha sido feito por António Costa no 25 de Abril.

Fonte oficial do gabinete do primeiro-ministro disse hoje à agência Lusa que foi assinado na terça-feira um protocolo entre a Presidência do Conselho de Ministros e a Câmara de Lisboa que estabeleceu "a abertura dos jardins do Palacete de São Bento ao público, aos domingos, por considerar-se um espaço de inegável interesse público".

António Costa tinha anunciado nas comemorações do 25 de Abril, dia no qual abriu não só espaços verdes mas também o palacete para visitas do público, que os jardins da sua residência oficial, em São Bento, iriam abrir ao público todos os domingos a partir de junho, uma iniciativa com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.

A entrada é gratuita e os interessados podem visitar já a partir do próximo domingo, dia 5 de junho, os jardins daquela que é a residência oficial do primeiro-ministro desde 1938.

As visitas decorrem todos os domingos -- com a exceção dos dias em que a agenda oficial o impeça -- sendo o horário no outono e inverno entre as 10:00 e as 17:00 e na primavera e verão com abertura de portas à mesma hora, mas encerramento às 18:00.

Até às comemorações deste ano do 25 de Abril, os jardins do Palacete de São Bento estiveram fechados ao público em geral, um espaço com cerca de dois hectares, anexo às traseiras da Assembleia da República.

"A democracia recorda-nos que o poder reside no povo e é exercido em nome do povo. É importante que todos sintam que estes locais de trabalho dos órgãos de soberania não são dos órgãos de soberania, são vossos, são do povo, dos cidadãos - e foi isso que quisemos transmitir abrindo as portas da residência oficial de São Bento neste 25 de Abril", declarou o primeiro-ministro nas últimas comemorações da Revolução dos Cravos.

Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.