sicnot

Perfil

País

Operação Álcool e Drogas da GNR termina com 1.571 contraordenações

A operação Álcool e Drogas da GNR entre 06 e 12 de junho, terminou com 1.571 contraordenações, disse à agência Lusa fonte oficial daquela força de segurança.


Durante os dias da operação foram fiscalizados 9.265 condutores e registados 99 crimes, segundo o balanço da GNR.

Entre as 1.571 contraordenações, há 272 casos de condução com excesso de álcool (alguns incluídos nos 99 crimes) e 101 de excesso de velocidade.

Por outro lado, 86 contraordenações referem-se a irregularidades relacionadas com a falta ou utilização incorreta do cinto de segurança e 12 são relativas ao sistema de retenção para crianças.

A Operação Álcool e Drogas enquadra-se no plano definido pela European Traffic Police Network (TISPOL) -- organismo que congrega todas as polícias de trânsito da Europa, em que a GNR é a representante nacional -- e pelo Euro Controle Route, um grupo de serviços de controlo das estradas europeias cujo objetivo é melhorar a segurança rodoviária.

Lusa

  • Partidos exigem explicações sobre transferências para offshores entre 2011 e 2014

    Economia

    O PS junta-se ao PCP, o Bloco de Esquerda e o PSD no pedido para a audição urgente do antigo e o atual secretário de Estado dos Assuntos Fiscais sobre a falta de controlo do Fisco às transferências de dinheiro para paraísos fiscais. Em causa está a transferência de 10 mil milhões de euros para offshores. O CSD é o único partido que ainda não se pronunciou.