sicnot

Perfil

País

Dezassete regiões em risco extremo de exposição à radiação ultravioleta

Dezassete regiões do país apresentam hoje risco extremo de exposição à radiação ultravioleta (UV) e outras oito estão com níveis muito altos, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) na sua página da Internet.

(EPA/Arquivo)

(EPA/Arquivo)

RAINER JENSEN

Em risco extremo estão as regiões de Beja, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Funchal, Guarda, Leiria, Lisboa, Penhas Douradas, Portalegre, Sagres, Santarém, Setúbal, Viseu e Vila Real.

O instituto colocou também as regiões de Aveiro, Braga, Porto, Sines, Porto Santo, Viana do Castelo, Santa Cruz das Flores e Horta em risco muito alto.

De acordo com o instituto, a região de Angra do Heroísmo está com níveis moderados e Ponta Delgada em risco baixo.

O IPMA recomenda À população, nas regiões com risco extremo, que evite a exposição ao sol.

Nas regiões com níveis muito alto e alto, o IPMA recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, t-shirt, guarda-sol e protetor solar, além de aconselhar que seja evitada a exposição das crianças ao sol.

Os índices UV variam entre menor do que 2, em que o UV é baixo, 3 a 5 (moderado), 6 a 7 (alto), 8 a 10 (muito alto) e superior a 11 (extremo).

O instituto prevê para hoje, no continente, céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral a norte do Cabo Raso até ao meio da manhã e para o final do dia, e aumento temporário de nebulosidade durante a tarde nas regiões do interior norte e centro, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros e trovoada.

Está também previsto vento fraco, soprando moderado do quadrante leste no Algarve e de noroeste na faixa costeira ocidental, em especial durante a tarde, possibilidade de ocorrência de neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais do litoral a norte do Cabo Raso, pequena subida da temperatura mínima e subida da máxima nas regiões do norte e interior centro.

Para a Madeira, a previsão aponta pata períodos de céu muito nublado, apresentando-se geralmente pouco nublado nas vertentes sul e vento fraco a moderado de norte.

Para os Açores prevê-se céu muito nublado com boas abertas ao longo dia, aguaceiros na madrugada, neblinas ou nevoeiros e vento norte moderado a forte.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão variar entre 19 e 31 graus Celsius, no Porto entre 16 e 25, em Viana do Castelo entre 15 e 26, em Viseu entre 18 e 33, em Bragança entre 16 e 34, na Guarda entre 17 e 31, em Coimbra entre 16 e 30, em Castelo Branco entre 21 e 35, em Santarém entre 17 e 35, em Évora e Beja entre 19 e 37, em Faro entre 21 e 30, no Funchal entre 20 e 25, em Ponta Delgada e na Horta entre 17 e 21 e em Santa Cruz das Flores entre 16 e 20.

Com Lusa

  • O tempo para hoje
    0:31

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje, no continente, céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral a norte do Cabo Raso até ao meio da manhã e para o final do dia, assim como aumento temporário de nebulosidade durante a tarde nas regiões do interior norte e centro, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros e trovoada.

  • "É mais um notável tiro no pé de Passos Coelho"
    4:04

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite, a polémica em torno de Pedro Passos Coelho, depois do presidente do PSD ter pedido desculpas por ter "usado informação não confirmada", ao falar na existência de suicídios, depois desmentidos, como consequência da falta de apoio psicológico na tragédia de Pedrógão Grande. Sousa Tavares considera que Passos Coelho deu "mais um tiro no pé" e defende que o líder da oposição "está notoriamente desgastado" e "caminha para uma tragédia eleitoral autárquica".

    Miguel Sousa Tavares

  • Este texto é sobre o bom senso. O bom senso que faltou a Passos Coelho quando, esta manhã, depois de uma visita pelas áreas ardidas de Pedrógão Grande, decidiu falar em suicídios. Passos não se referiu a tentativas, mas sim a atos consumados. Deu certezas. Disse que tinha conhecimento de “pessoas que puseram termo à vida” porque “que não receberam o apoio psicológico que deviam.”

    Bernardo Ferrão

  • Simplex+2017 promete simplificar burocracia
    1:08

    País

    Já está online o novo Simplex+2017, que vai simplificar a vida dos cidadãos, empresas e administração pública. Pagar impostos com cartão de crédito e ter o cartão de cidadão ou a carta de condução no telemóvel são alguns exemplos do que está previsto.

  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.