sicnot

Perfil

País

Ikea pede a clientes devolução de cancela para crianças por questões de segurança

O grupo sueco de mobiliário e decoração Ikea pediu hoje aos clientes para que devolvam as cancelas de segurança Patrull, produto destinado a crianças, compradas nas suas lojas, por questões de mau funcionamento.

Em comunicado, o grupo Ikea lamenta a situação e pede aos clientes que tenham adquirido aquele modelo de cancela de segurança que a devolvam na loja mais próxima, onde serão reembolsados na totalidade, não sendo necessária a apresentação do comprovativo de compra.

A decisão surge na sequência de "situações reportadas ao Ikea, a nível global, de que o fecho da grade de segurança se abriu inesperadamente, tendo havido casos de incidentes".

"A avaliação de segurança levada a cabo por uma entidade externa revelou que, apesar de todos os nossos artigos serem testados em conformidade com os padrões de segurança aplicáveis e de acordo com a legislação em vigor, os mecanismos de fecho não são suficientemente fortes", salientou o grupo, justificando assim a decisão de pedir a devolução daquele produto.

Destacando que "as crianças são as pessoas mais importantes do mundo para a Ikea", o grupo frisou que tem "tolerância zero em relação à segurança dos produtos".

O Ikea referiu ainda que, para prevenir outros incidentes, as grades de segurança Patrull, Patrull Klamma e Patrull Fast foram retiradas de todas as lojas e já não se encontram à venda.


Com Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC