sicnot

Perfil

País

Temperaturas vão subir a partir de quinta-feira, em especial no interior

As temperaturas vão subir a partir de quinta-feira, mantendo-se elevadas até ao dia 20 de julho, em especial no interior do país, informou hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

© Reuters Photographer / Reuter

O aumento da temperatura "deve-se a uma massa de ar muito quente e seco, na circulação de um anticiclone localizado no golfo da Biscaia", a norte da Península Ibérica, explicou à Lusa a meteorologista Sandra Correia, adiantando que, a partir de sexta-feira, "praticamente todo o território [nacional] vai ter valores de temperatura máxima superiores a 30 graus Celsius".

No Alentejo e na Beira Interior os valores podem situar-se entre os 38 e os 42 graus Celsius, situação que se estenderá durante todo o fim de semana.

"Neste momento, já está emitido o aviso de tempo quente, nível amarelo, para os distritos das regiões Centro e Sul, já em vigor durante o dia de hoje, e que se irá prolongar nos próximos dias", disse Sandra Correia.

A temperatura mínima também irá registar valores elevados: "Em alguns locais serão da ordem dos 20 graus Celsius", originando as denominadas "noites tropicais", explicou.

De acordo com o IPMA, o céu estará em geral fraco, do quadrante leste, à exceção do litoral, onde durante as tardes se "fará sentir a brisa marítima".

A meteorologista afirmou que, "comparando com o dia de ontem e com o de hoje, em que esteve muito vento, o vento vai ser menos intenso" a partir de quinta-feira.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.