sicnot

Perfil

País

Marcelo reuniu-se com os partidos em Belém

Marcelo reuniu-se com os partidos em Belém

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu em Belém todos os partidos com assento parlamentar. O PS garantiu que não há crise política à vista e mostrou-se confiante num entendimento com os partidos que apoiam o Governo, para a aprovação do Orçamento do Estado para 2017. A Esquerda não se compromete, mas está disposta a ficar ao lado do Governo, se não houver desvios no caminho percorrido até agora.

  • PS garante que acordo com a esquerda está firme e é para durar
    0:56

    País

    O PS garante que não há qualquer crise política à vista e que o acordo das esquerdas está firme e é para durar. No final do encontro com o Presidente da República, Ana Catarina Mendes sublinhou que até agora o Governo nunca deixou de cumprir os compromissos com os eleitores, os parceiros de maioria e as instituições europeias.

  • "Creio que seria um mau caminho voltar a cortar salários"
    0:56

    Economia

    O PCP diz que está disponível para examinar o conteúdo do Orçamento do Estado para 2017, dar o seu contributo e dizer "presente", desde que seja prosseguido o caminho de reposição de direitos. Jerónimo de Sousa defendeu que há matérias do Orçamento do Estado do ano passado que devem ser transpostas para o Orçamento de 2017 e insistiu na defesa do aumento de salários na função pública e no privado.

  • PAN afirma que Marcelo está preocupado com discussão sobre OE 2017
    0:38

    País

    O deputado único do Pessoas-Animais-Natureza (PAN) afirmou hoje que será "responsável" quanto ao Orçamento do Estado de 2017, apelando ao mesmo sentido de responsabilidade por parte de todos os partidos, após audiência com o Presidente da República. Marcelo Rebelo de Sousa está hoje a receber os partidos com assento parlamentar e ouvirá ainda os diversos parceiros sociais até quarta-feira para uma análise da situação política do país. Depois do PAN, o Chefe de Estado reúne com os representantes de PEV, PCP, CDS-PP, BE, PS e PSD.

  • "Não vejo para que é que serviu esta ronda com os partidos"
    2:38

    Opinião

    O Presidente da República reuniu-se com todos os partidos com assento parlamentar para analisar a situação política. O PS diz que acredita em acordo com partidos que apoiam o Governo para a aprovação do Orçamento de Estado. Miguel Sousa Tavares diz que não sabe para que é que "serviu esta ronda com os partidos".

  • Younes Abouyaaqoub, o homem mais procurado de Espanha
    1:53
  • Vila de Gavião viu-se cercada pelas chamas
    2:17
  • Costa desafia PSD para pacto depois das autárquicas
    1:14
  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22