sicnot

Perfil

País

Casal comprou mil litros de água para ajudar automobilistas presos na A1

Casal comprou mil litros de água para ajudar automobilistas presos na A1

Um casal decidiu comprar mil litros de água do próprio bolso para distribuir pelas centenas de automobilistas retidos na A1. O vídeo tornou-se viral nas redes sociais.

O incêndio na zona de Estarreja, que chegou à berma da estrada, obrigou a GNR a cortar o trânsito durante mais de cinco horas.

O calor intenso e a falta de água poderiam ter resultado num cenário trágico. Valeu aos condutores e passageiros, incluindo muitas crianças, idosos e grávidas, a ação de boa vontade de Lucinda Borges, de 33 anos, e de Paulo Pereira, de 44, naturais de Avanca.

O casal disse ao Jornal de Notícias ter saído de casa de propósito para ajudar.

No Facebook, o vídeo tem quase 600 mil visualizações. Já para não falar dos comentários a enaltecer a atitude do casal.

Há ainda relatos de que quando a distribuição de garrafas terminou, ouviram-se palmas de pessoas que saíram dos carros para agradecer o gesto.

  • A29 reaberta, A1 e A41 cortadas nos dois sentidos devido a fogos

    País

    A autoestrada A29 que esteve cortada ao trânsito nos dois sentidos, junto de Albergaria-a-Velha, foi reaberta ao trânsito cerca das 16:30, estando interditas a A1 e a A44, disse à Lusa fonte da GNR. Cerca das 16:00 foi decidido encerrar ao trânsito os dois sentidos da A41, no quilómetro 34, junto de Gondomar, devido ao incêndio que lavra há vários dias na zona.A A1 continua cortada ao trânsito nos dois sentidos e, segundo a GNR, a alternativa para os automobilistas que circulem de norte para o sul é seguirem pela A29 ou pelo Itinerário Complementar 1 (IC) ou IC2.

  • Estudante português desaparecido no mar Báltico

    País

    Um jovem português de 21 anos desapareceu na segunda-feira, dia 13 de novembro, enquanto fazia uma viagem de cruzeiro entre a cidade finlandesa de Helsínquia e a capital da Suécia, Estocolmo. As autoridades locais fizeram buscas na madrugada em que Diogo Penalva caiu ao mar Báltico, por volta das duas da manhã.

  • Político indiano oferece 1,3 milhões por decapitação de atriz

    Mundo

    Deepika Padukone é uma das personagens principais do filme que retrata a relação entre uma rainha hindu e um governante muçulmano. O filme enfureceu um político do Governo indiano, que ofereceu 1,3 milhões de euros como recompensa a quem decapitasse a atriz. A polícia já destacou agentes para proteger a atriz, bem como a sua família.