sicnot

Perfil

País

Ativado Plano Municipal de Emergência do Funchal

JOÃO HOMEM GOUVEIA

O Plano Municipal de Emergência da cidade do Funchal foi ativado, numa decisão votada por unanimidade, informou a Câmara. "Acaba de ser ativado o Plano Municipal de Emergência, pela Comissão Municipal de Proteção Civil, votado por unanimidade", pode ler-se num documento camarário.

O Serviço Regional de Saúde da Região Autónoma da Madeira (SESARAM) fez hoje um apelo público aos enfermeiros para que estes se dirijam diretamente ao Hospital Central do Funchal, ao invés do hospital dos Marmeleiros que foi evacuado pelas autoridades.

Este Serviço pede também que os utentes com consulta externa marcada para o dia de hoje, não se desloquem à unidade de saúde do Funchal, evitando deste modo o congestionamento da estrutura.

De acordo com a informação da câmara do Funchal, foram retiradas 200 pessoas nas zonas mais atingidas pelo fogo, mais cerca de 50 no Hospital dos Marmeleiros.

"As instituições estão a trabalhar em conjunto para manter a operacionalidade de todos os meios no terreno, na proteção de pessoas e bens", informa ainda a câmara.

A Proteção Civil Regional também já fez um balanço da situação.

"No Funchal, as frentes são muitas. Toda a cidade do Funchal é muito recortada por lombos, e portanto, neste momento, aquilo que nos está a preocupar é toda a zona do Monte e ainda há a zona da Corujeira e zona da Alegria, mas principalmente Monte e todos os acessos ao Monte", referiu o presidente do serviço regional da proteção civil, Luis Neri.

A Proteção Civil da Madeira está com dificuldades na mobilização de meios dado que não consegue "mobilizar mais meios, porque as viaturas não têm espaço para poder passar em muitos dos lugares por onde seria necessário passar, uma vez que as estradas são muito estreita, explicou.

Ainda não há certeza quanto ao número de habitações afetadas, havendo "algumas, mais ou menos destruídas", mas o que se sabe "é que em termos de vítimas, não houve", garantindo que "apenas algumas foram ao hospital devido a inalação de fumo e uma queda."

Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.