sicnot

Perfil

País

Governo da Madeira disponibiliza alimentação aos animais afetados

A Secretaria Regional de Agricultura e Pescas da Madeira, através da Direção Regional de Agricultura, informou hoje que está a providenciar alimentação aos animais afetados pelos incêndios na região.

A Confederação Agrícola de Portugal (CAP) foi uma das contribuintes, tendo oferecido 15 toneladas de fardos transportados pela Empresa de Navegação Madeirense, de forma gratuita, para a Madeira.

O departamento executivo informou ainda, em comunicado, que "a Direção Regional de Agricultura e Pescas e o Centro de Abate da Região Autónoma da Madeira (CARAM) têm várias equipas no terreno para recolha de animais afetados (vacas, porcos e ovelhas)", que serão enviados para a Estação Zootécnica, no Concelho do Porto Moniz, zona norte da ilha.

Os proprietários afetados poderão utilizar a linha de emergência criada para o efeito: 291201798 / 291201790, anunciou aquela secretaria.

Os incêndios que deflagraram na tarde de segunda-feira nas serras da Madeira, com focos de grandes dimensões no concelho do Funchal e em outros concelhos da ilha, provocaram três vítimas mortais na zona da Pena (Santa Luzia), dezenas de casas destruídas e avultados prejuízos materiais. Cerca de mil pessoas tiveram de sair das suas casas.

Os hospitais dos Marmeleiros e João de Almada, os lares de idosos de Santa Isabel e Vale Formoso, as clínicas de Santa Luzia e Santa Catarina, além de centenas de moradias, tiveram de ser evacuados.

A zona histórica de São Pedro, na baixa da cidade, foi uma das áreas onde chegou o fogo, tendo sido necessário retirar hóspedes de uma das unidades hoteleiras.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.