sicnot

Perfil

País

Suspeito de atear incêndio no Funchal está a ser ouvido pelo juiz

(SIC/Arquivo)

O homem, de 24 anos, suspeito de ser o autor do incêndio do Funchal, na ilha da Madeira, está a ser ouvido pelo juiz de instrução.

O alegado autor do incêndio, que já consumiu dezenas de habitações e matou três pessoas, está detido desde segunda-feira, dia em que começou o incêndio que ainda está ativo.

A Polícia Judiciária deteve entretanto mais dois suspeitos de posto fogo. Um homem de 36 anos suspeito de ter ateado um incêndio em Fradelos, Famalicão, e um outro de 65 anos, alegado incendiário das chamas que lavraram em Pampilhosa da Serra.

Já foram detidas e identificadas 26 pessoas pela Polícia Judiciária desde o início do ano.

  • Partidos exigem explicações sobre transferências para offshores entre 2011 e 2014

    Economia

    O PS junta-se ao PCP, o Bloco de Esquerda e o PSD no pedido para a audição urgente do antigo e o atual secretário de Estado dos Assuntos Fiscais sobre a falta de controlo do Fisco às transferências de dinheiro para paraísos fiscais. Em causa está a transferência de 10 mil milhões de euros para offshores. O CSD é o único partido que ainda não se pronunciou.