sicnot

Perfil

País

Turistas estão a ser acompanhados na Madeira

Reuters

​A presidente da Associação de Comércio e Indústria do Funchal, Cristina Pedra, disse que todos os turistas estão a ser acompanhados na Madeira e garantiu que a imagem da ilha não está a ser afetada pelo incêndio.

Na Madeira, as chamas obrigaram mais de mil pessoas a abandonar as suas casas e os hotéis onde estavam alojadas, na sequência do fogo que na terça-feira atingiu a zona baixa da cidade do Funchal e que já fez três mortos e dois feridos.

Em declarações hoje à agência Lusa, a presidente da Associação de Comércio e Indústria do Funchal (ACIF) disse que todos os turistas que tiveram de ser retirados devido à destruição de unidades hoteleiras ou proximidade do fogo foram realojados.

"A situação é desoladora e raia a catástrofe. Algumas unidades hoteleiras foram completamente destruídas, sendo a principal pela sua dimensão o Choupana Hill, e outras tiveram de ser evacuadas pela proximidade do fogo", disse.

Cristina Pedra garantiu à Lusa que todos os turistas retirados foram realojados, distribuídos por diversas unidades hoteleiras.

"Não houve nenhum turista que não tenha sido realojado. Ainda é muito cedo para se fazer balanços inclusive dos danos patrimoniais mas não vamos deixar desprotegidos aqueles que estão cá, que nos visitam apesar da ocupação estar com picos elevados", afirmou.

No que diz respeito a cancelamentos de viagens para a Madeira, Cristina Pedra disse que não houve nenhum.

"Não temos tido cancelamentos de reservas. Falei ainda hoje com o presidente da mesa de hotelaria da AFIC que disse isso mesmo. Não temos também qualquer indicação de cancelamento de reservas para o futuro próximo", disse.

"A situação é difícil (...), mas não se afigura que esteja em questão qualquer imagem do destino Madeira que tem uma imagem consolidada", frisou.

Cristina Pedra disse também que os turistas têm sido compreensivos e solidários com a situação.

"Obviamente que têm estado pelos hotéis, pois não estamos a recomendar viagens ou passeios para alguns locais da ilha, mas estes têm mostrado compreensão", disse.

A presidente da AFIC disse ainda que tem havido um diálogo permanente com os hoteleiros, que estão a dar todo o apoio e informação aos turistas.

Três pessoas morreram na terça-feira, no Funchal, na sequência dos incêndios que deflagraram no concelho na segunda-feira. As mortes ocorreram na zona da Pena, na freguesia de Santa Luzia, na travessa Silvestre Quintino de Freitas.

Os incêndios provocaram ainda dois feridos graves, um desaparecido, cerca de mil desalojados, entre residentes e turistas, destruindo também muitas casas e o hotel Choupana Hills.

As autoridades tiveram já de evacuar dois hospitais, diversos hotéis, estando cerca de 600 pessoas no Regimento de Guarnição n.º3 (quartel do Funchal), 300 no estádio dos Barreiros e 50 no centro cívico de São Martinho.

Cerca de 135 efetivos, 115 oriundos de Lisboa e outros 20 Açores, foram enviados para a Madeira para reforçar as equipas no combate aos incêndios.

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC