sicnot

Perfil

País

Advogado diz que tese das autoridades brasileiras apontava para tráfico humano

Advogado diz que tese das autoridades brasileiras apontava para tráfico humano

Pedro Proença diz que desde o início que a polícia brasileira em conjunto com as autoridades portuguesas trataram do caso das três mulheres que apareceram mortas como se tratasse de tráfico de pessoas.

O advogado considera que os corpos já poderiam ter sido encontrados se as suspeitas de homicídio fossem mais fortes, uma vez que o homicida residia perto da zona onde foram encontradas as vítimas e dos pormenores do caso.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02