sicnot

Perfil

País

Vigílias em Gondomar pelo jovem de 14 anos que morreu depois de agressão violenta

Dezenas de pessoas concentraram-se em vários pontos do concelho de Gondomar, em vigílias de homenagem ao jovem de 14 anos que foi agredido domingo e que acabou por morrer na noite de segunda-feira.

Uma das concentrações decorre junto da Cruz Vermelha de Baguim do Monte, local próximo da rua Padre Domingues Baião, onde o jovem foi agredido entre as 22:00 e as 23:00 de sábado, e junta pessoas de várias gerações em silêncio e de vela na mão.

Enquanto uma segunda foi "convocada" para a estação de Rio Tinto, local escolhido por ser próximo de um dos sítios considerado "favorito" do jovem que morreu a Quinta das Freiras onde de tarde já um grupo de jovens se tinha reunido numa iniciativa que ficou marcada pelo uso de uma peça de roupa branca e serviu para fazer um apelo ao pacifismo.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Junta de Freguesia de Baguim do Monte, Nuno Coelho, apontou que "a comunidade está em choque" quer porque "duas famílias [referindo-se à do jovem que morreu e à do alegado agressor] estão destruídas" mas também porque "a notícia da morte foi interiorizada duas vezes".

Na manhã de domingo, o oficial de dia da PSP do Porto disse à Lusa que um jovem de 14 anos tinha morrido depois de ter sido agredido na via pública em Baguim do Monte.

Já na manhã de segunda-feira, a PJ revelou que o adolescente se encontrava afinal em "estado muito grave" no Hospital de São João e na tarde do mesmo dia, a direção nacional da PSP lamentou o "lapso", justificando que a informação por si transmitida domingo tinha sido obtida junto de "fonte não oficial" do hospital.

O jovem de 14 anos acabou por morrer na noite de segunda-feira, segundo confirmou já hoje o TIC do Porto.

O Centro Hospitalar de São João, no Porto, alegou hoje motivos ético-deontológicos para justificar o silêncio que manteve desde domingo em torno do assunto.

"Baguim do Monte está em choque. Era um miúdo muito querido na freguesia e receber a notícia duas vezes é muito duro. O nosso apelo agora é para que o tratamento deste caso seja muito cauteloso pois não podemos correr o risco de criar uma guerra entre grupos", disse Nuno Coelho.

O autarca também descreveu que um grupo de 120 seniores da freguesia deslocou-se hoje a Fátima numa atividade regular da junta da freguesia, tendo aproveitado para "rezar pelo jovem e pelo sofrimento das famílias".

Quanto ao alegado agressor, o Tribunal de Instrução Criminal (TIC) do Porto determinou hoje a sua prisão preventiva.

A informação foi avançada pelo advogado do agressor, Sérgio Marques, segundo o qual o tribunal acusou o jovem de 16 anos pelo crime de homicídio qualificado.

O suspeito tinha passado a noite nas celas da Polícia Judiciária e foi hoje ouvido em primeiro interrogatório judicial no TIC entre as 14h30 e 17h30.

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Casa Madonna di Fatima em Roma é um lar de idosos com 9 irmãs portuguesas
    4:29

    Mundo

    A mais antiga igreja dedicada à Senhora de Fátima em Roma tem mais de 50 anos. Foi construída pelas franciscanas hospitaleiras do Imaculado Coração, uma congregação fundada em Portugal. Hoje, as religiosas portuguesas gerem um lar na mesma rua, mas o templo foi entregue a uma congregação italiana.