sicnot

Perfil

País

Escola de Quadros do CDS-PP arranca em Peniche

A terceira Escola de Quadros do CDS-PP decorre a partir de hoje e até domingo em Peniche, estando o futuro da Europa no centro do debate entre o comissário europeu Carlos Moedas e o eurodeputado centrista Nuno Melo.

Até domingo, a Escola de Quadros do CDS-PP junta cerca de 130 jovens num hotel em Peniche e vai receber vários nomes do partido - entre os quais o antigo líder Paulo Portas -, independentes e os socialistas António Vitorino e Maria de Lurdes Rodrigues, tendo o convite à ex-ministra da Educação de José Sócrates gerado crítica interna.

Hoje, sob o tema "O Futuro da Europa", os centristas têm agendado um jantar-debate que vai juntar o comissário europeu Carlos Moedas (PSD) e o eurodeputado e vice-presidente do CDS-PP, Nuno Melo, sendo moderado pelo dirigente e deputado centrista Pedro Mota Soares.

No segundo dia, sexta-feira, destaque para o debate da manhã sobre a importância económica da cultura que será moderado por Francisco Mendes da Silva e terá como oradores Pedro Mexia e António Filipe Pimentel.

Sábado é um dos dias mais fortes da Escola de Quadros, sendo o principal momento o jantar-debate sob o tema "Desafios de Portugal no presente contexto internacional", que marca o regresso às hostes partidárias do ex-líder centrista Paulo Portas, que terá como parceiro de painel o socialista António Vitorino.

No mesmo dia, mas de tarde, destaque para o debate sobre Educação que vai juntar a deputada do CDS-PP Ana Rita Bessa e a ex-ministra da educação socialista Maria de Lurdes Rodrigues, cujo convite foi criticado pelo antigo presidente da Juventude Popular Michael Seufert já que "heranças" como a Parque Escolar não constituem um legado respeitável.

A líder do CDS-PP, Assunção Cristas, desvalorizou esta crítica interna quanto à presença de, Maria de Lurdes Rodrigues, explicando que na Escola de Quadros não há aulas, mas sim debates, que "é suposto terem diversidade de opinião, suscitarem a reflexão e o espírito crítico".

Para as 12:00 de domingo está marcado o encerramento - à mesma hora que em Castelo de Vide o líder do PSD, Pedro Passos Coelho, deverá estar a encerrar a Universidade de Verão do partido -- falando o líder da Juventude Centrista, Francisco Rodrigues dos Santos, o antigo eurodeputado Diogo Feiro e a líder do partido, Assunção Cristas.

O mar, a economia e o modelo crescimento, as eleições nos EUA e o exemplo da seleção nacional de futebol em termos de comunicação e motivação são outros dos debates que estarão em debate neste encontro formativo centrista.

A rentrée do CDS-PP está marcada para dia 10 de setembro, em Oliveira do Bairro com uma grande festa comício.

Lusa