sicnot

Perfil

País

Onze pessoas morreram nas praias marítimas e fluviais entre maio e agosto

A Autoridade Marítima Nacional referiu esta quarta-feira, em comunicado, que morreram 11 pessoas nas praias marítimas e fluviais vigiadas e não vigiadas entre 01 de maio e 31 de agosto.

Segundo o comunicado, nas praias marítimas vigiadas de jurisdição marítima morreram três pessoas de nacionalidade portuguesa, uma por afogamento e duas por morte súbita.

Nas zonas marítimas não vigiadas de jurisdição marítima, morreram cinco pessoas, todas por afogamento, três de nacionalidade portuguesa, uma francesa e outra suíça.

Uma pessoa, de nacionalidade portuguesa, morreu numa praia fluvial vigiada, enquanto outras duas, também portuguesas, morreram em praias fluviais não vigiadas.

Durante aquele período, nas praias vigiadas e com planos integrados implementados, os nadadores-salvadores fizeram 1073 intervenções e também 29 buscas "com sucesso" a crianças perdidas na praia, acrescenta o comunicado.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22