sicnot

Perfil

País

"A atitude do PSD tem sido uma espécie de comboio fantasma"

"A atitude do PSD tem sido uma espécie de comboio fantasma"

Relativamente ao Orçamento de Estado de 2017, o Primeiro-ministro responde que, até agora, o PSD tem sido um comboio fantasma. António Costa acusa o partido de Passos Coelho de não ter projetos para o futuro.

  • "Quem carece de um plano B é a oposição", diz PS
    1:03

    País

    A deputada Ana Catarina Mendes do PS desafiou, esta manhã, o PSD a apresentar propostas para o próximo Orçamento do Estado. Num tom de crítica, ao que dizem ser um discurso catastrofista por parte da oposição, os socialistas dizem que quem precisa de plano B são Pedro Passos Coelho e Maria Luís Albuquerque.

  • Vieira da Silva acredita num entendimento sobre OE 2017
    0:37

    Economia

    O ministro do Trabalho e da Segurança Social não antevê dificuldades nas negociações com o Bloco de Esquerda e o PCP para o Orçamento do Estado para o próximo ano. Vieira da Silva deixa em aberto se vai constar um aumento das pensões mais baixas, como exigem os partidos que apoiam o Governo.

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem no Coachella e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.