sicnot

Perfil

País

Mota Amaral destaca Barbosa de Melo como um "parlamentar de relevo"

O ex-presidente da Assembleia da República Mota Amaral disse esta quarta-feira que António Barbosa de Melo "foi um parlamentar de relevo" e teve "um papel importantíssimo na Assembleia Constituinte".

"Convivi de perto com António Barbosa de Melo na Assembleia Constituinte, onde foi um elemento muito sábio e teve um papel importantíssimo. Foi um parlamentar de relevo muito respeitado por todas as bancadas", afirmou à agência Lusa Mota Amaral.

O antigo presidente da Assembleia da República António Barbosa de Melo morreu hoje, aos 83 anos, no Centro Hospital e Universitário de Coimbra.

"A morte do professor António Barbosa de Melo é uma perda para o país e enche-me de profunda tristeza", declarou Mota Amaral, endereçando à família enlutada "sentidas condolências".

Para Mota Amaral, que foi presidente da Assembleia da República entre 10 de abril de 2002 e 16 de março de 2005, Barbosa de Melo "prestigiou o parlamento com um desempenho impecável", destacando, igualmente, a sua carreira académica que "deixou, também, marcas na Universidade de Coimbra".

"António Barbosa de Melo acompanhou com muito interesse e desde a primeira hora a institucionalização da autonomia política dos Açores", referiu o primeiro presidente do Governo Regional dos Açores, realçando, ainda, o "importante contributo" que deu "à consolidação do poder local democrático".

Barbosa de Melo nasceu em 1932 e foi presidente da Assembleia da República entre novembro de 1991 a novembro de 1995.

Investigador e professor catedrático da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, António Moreira Barbosa de Melo foi um dos fundadores do PSD, no qual exerceu diversos cargos nos órgãos nacionais.

Integrou a Comissão para a elaboração da lei eleitoral para a Assembleia Constituinte em 1974, da qual foi também deputado. Exerceu novamente o mandato de deputado na Assembleia da República nos anos de 1976-1977 e 1991-1999.

Foi presidente da Assembleia da República durante a VI Legislatura (1991-1995) e foi membro do Conselho de Estado.

Lusa

  • Proteção Civil desmobiliza meios em Setúbal

    País

    A Proteção Civil vai começar a desmobilizar, hoje à tarde, meios de combate ao incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal e que já está em fase de rescaldo, disse à agência Lusa o vereador da Proteção Civil Municipal.

  • Marcelo lembra ditadura para deixar elogios à liberdade de imprensa e separação de poderes
    0:29
  • Portugal condenado por decisão "discriminatória e preconceituosa"
    1:19

    País

    Portugal voltou a ser condenado pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem, desta vez por causa de uma decisão discriminatória e preconceituosa. Trata-se do caso da mulher a quem o Supremo Tribunal Administrativo baixou o valor de uma indemnização por negligência médica. Entre os vários argumentos usados, os juízes portugueses consideraram que a sexualidade é menos importante quando se tem 50 anos e dois filhos.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26

    País

    O candidato do PSD à Câmara Municipal de Loures, André Ventura, foi entrevistado esta terça-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. Em análise, a polémica em torno das declarações do candidato sobre a comunidade cigana.

    Entrevista SIC Notícias

  • Rajoy nega conhecimento de financiamentos ilegais no PP

    Mundo

    O primeiro-ministro espanhol negou hoje ter conhecimento de um esquema ilegal de financiamento, que envolve vários responsáveis do Partido Popular (PP, direita), que lidera. Durante uma audição no tribunal, Mariano Rajoy garantiu ainda que não aceitou nenhum pagamento ilícito.