sicnot

Perfil

País

Militar transferido para Curry Cabral espera transplante hepático

O militar do curso dos Comandos que foi transferido do Barreiro para o Hospital Curry Cabral encontra-se em lista de espera para receber um transplante hepático, informou esta quinta-feira o porta-voz do Exército.

Relativamente aos militares do 127.º curso dos Comandos que foram internados, o Exército precisa que o soldado Dylan Araújo da Silva mantém-se internado no Hospital Curry Cabral e que, apesar da "melhoria progressiva do ponto de vista global, mantém comprometimento da função hepática, sem aparente compromisso neurológico".

"Encontra-se em lista de espera para eventual processo de transplante hepático", indicou o porta-voz, Vicente Pereira.

Na sequência de um treino dos Comandos, um militar morreu devido a "um golpe de calor" e diversos outros receberam assistência hospitalar, estando ainda internados cinco: um no Curry Cabral, três no Hospital das Forças Armadas e outro no Hospital da Cruz Vermelha.

Depois destes incidentes, o ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, anunciou esta quinta-feira a suspensão ds cursos de Comandos do Exército até ao final do inquérito à morte do militar Hugo Abreu

Azeredo Lopes tinha já tinha admitido à Lusa a possibilidade de intervir após a conclusão das duas investigações em curso.

O Exército explica na nota enviada que três militares se mantêm internados no Hospital das Forças Armadas, dois no Serviço de Medicina, aguardando alta clínica, com indicação para convalescer na unidade, e um na Unidade de Tratamentos Intensivos, o qual se mantém "estável, sem agravamento clínico e analítico".

O militar internado Hospital da Cruz Vermelha Portuguesa aguarda, por seu turno, transferência para o Hospital das Forças Armadas, mantendo-se "estável sem agravamento clínico e analítico".

Por último, o Exército informa que, nas últimas 24 horas, nenhum militar daquele curso de Comandos "recorreu ou necessitou de apoio hospitalar".

Os incidentes ocorreram ambos na região de Alcochete, no distrito de Setúbal, embora em locais diferentes.

O chefe do Estado-Maior do Exército ordenou já um inquérito para apurar as causas em que o "trágico acontecimento ocorreu", tendo a Polícia Judiciária militar tomado conta da ocorrência.

A Procuradoria-Geral da República confirmou à Lusa a existência de um inquérito sobre a morte do militar, "o qual corre termos no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa".

Lusa

  • Buscas no Benfica, P. Ferreira, V. Setúbal e Desportivo das Aves

    Desporto

    A Polícia Judiciária do Porto está a fazer buscas à SAD do Benfica, no Estádio da Luz, e ainda ao Paços de Ferreira, Desportivo das Aves e Vitória de Setúbal. Em causa estão alegados crimes de corrupção desportiva e fraude fiscal. O clube da Luz já reagiu em comunicado.

    Em atualização

  • Sousa Cintra e Comissão de Gestão analisam futuro do Sporting
    2:37

    Crise no Sporting

    Sousa Cintra reuniu-se hoje com a Comissão de Gestão para analisar o que fazer no Sporting, depois da tomada de posição de Bruno de Carvalho. O presidente que foi destituído do cargo na Assembleia Geral de sábado, depois de dizer que se ia afastar, deixou depois a garantia de que vai impugnar a reunião magna do clube e vai a eleições.

  • Lei que permite a entrada de animais em espaços de restauração gera dúvidas
    2:23

    País

    A lei que permite a entrada de animais de companhia em estabelecimentos de restauração, que entrou hoje em vigor, está a gerar dúvidas para os proprietários. Até ao momento são poucos os estabelecimentos que aderiram e a previsão é para que assim continue. A DECO questionou 1800 pessoas sobre a presença dos animais nos restaurantes e apenas 25% votou a favor.

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Gato reencontra dono 10 anos depois de ter desaparecido

    Mundo

    A Blue Cross recolheu no mês passado um gato que tinha sido dado como desaparecido em 2008, num altura em que o dono Mark Salisbury residia em Ipswich, Suffolk, no Reino Unido. Graças ao microchip de Harry, a associação britânica que se dedica à proteção animal, conseguiu localizar Salisbury, que agora vive em Gloucestershire.