sicnot

Perfil

País

"Sinto-me escutado no meu dia a dia, sob várias formas", diz Carlos Alexandre

EXCLUSIVO SIC

"Sinto-me escutado no meu dia a dia, sob várias formas", diz Carlos Alexandre

O juiz Carlos Alexandre diz que sabe que é escutado, mas não tem nada a esconder. A revelação foi feita na grande entrevista que concedeu em exclusivo à SIC. Conhecido pelos processos mais importantes e mediáticos, foi o responsável pelas detenções de figuras como José Sócrates, Ricardo Salgado ou Duarte Lima. A exposição dos casos valeu-lhe a alcunha de "super-juiz", mas Carlos Alexandre recusa o rótulo e diz que é apenas um simples magistrado. Na conversa exclusiva, transmitida no Jornal da Noite, falou da pressão dos processos, das ameaças que já recebeu e do momento em que vai decidir sair.

  • O Juiz
    40:30

    Reportagem Especial

    É uma das figuras mais polémicas e enigmáticas da justiça portuguesa. Sempre foi avesso ao contacto com jornalistas, mas pela primeira vez, o "super juiz" Carlos Alexandre aceitou dar uma grande entrevista.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Temperaturas negativas em várias zonas do país nos próximos dias
    1:57

    País

    O frio vai começar a fazer-se sentir nos próximos dias com as temperaturas a descerem para valores negativos em várias zonas do país. Em Lisboa, cinco estações de metro vão estar abertas durante a noite para albergar os sem-abrigo que também vão receber agasalhos e refeições quentes.

  • Medalha idêntica à de Anne Frank encontrada em campo nazi

    Mundo

    Um grupo de investigadores encontrou uma medalha praticamente igual à de Anne Frank, nas escavações ao campo nazi de extermínio Sobibor, na Polónia. Os especialistas do Memorial do Holocausto Yad Vashem em Israel acreditam que a medalha pertencia a Karoline Cohn, que pode ter conhecido Anne Frank.