sicnot

Perfil

País

Funeral de Dylan da Silva realiza-se amanhã em Ponte de Lima

O corpo do comando militar Dylan Araújo da Silva está hoje em câmara ardente a partir das 17:00 na Igreja da Gemieira, Ponte de Lima, realizando-se o funeral na segunda-feira no Cemitério de Ponte de Lima.

Lisboa, 11 set (Lusa) -

Dylan Araújo da Silva morreu no sábado no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, onde estava internado desde 06 de setembro, devido a complicações hepáticas, ocorridas no âmbito do 127.º curso de comandos do exército.

O corpo do militar dos comandos Dylan Araújo da Silva "estará em câmara ardente hoje, domingo, dia 11, a partir das 17 horas na Igreja da Gemieira, Ponte de Lima", segundo avança um comunicado da empresa prestadora de serviços funerários Servilusa.

Na segunda-feira, pelas 09:00, iniciam-se as exéquias, com a trasladação para a Igreja da Lapa, também em Ponte de Lima, onde pelas 15:00 será celebrada missa de corpo presente.

O cortejo fúnebre seguirá depois para o Cemitério de Ponte de Lima.

Esta foi a segunda morte de um militar na sequência do treino dos Comandos na região de Alcochete, no distrito de Setúbal, que decorreu no domingo passado (04 de setembro). No dia do treino um militar morreu e vários outros receberam assistência hospitalar.

Um desses militares que estava com prognóstico reservado tratava-se de Dylan Araújo da Silva.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.