sicnot

Perfil

País

Felipe VI de Espanha visita Portugal em novembro

O Presidente da República anunciou esta sexta-feira a visita do rei Felipe VI de Espanha à cidade do Porto no próximo mês de novembro, considerando esta uma forma de prolongar a amizade fraterna que existe entre os dois países.

"O Presidente da República de Portugal quer reiterar essa visão de amizade fraterna que espera poder prolongar de forma efusiva na receção a sua majestade o rei Felipe VI aqui mesmo em novembro, na mui nobre e leal cidade do Porto", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa durante a cerimónia de inauguração da exposição das obras do pintor espanhol Joan Miró em Serralves.

Numa palavra dirigida a Mariano Rajoy, Marcelo considerou a presença no evento do presidente do Governo espanhol como mostra "simbólica da amizade fraterna entre os dois povos".

"A amizade entre Estados e povos vizinhos é feita de uma inextricável rede de ligações explícitas e implícitas, visíveis e invisíveis, que é chamada a enfrentar desafios quotidianos que testam essa amizade, as suas expectativas e os seus instantes mais preocupantes", assinalou.

E acrescentou: "Não há amizades, verdadeiras amizades simples. Todas são exigentes, porque desafiadoras. E quanto mais antigas, mais experimentadas, mas exigentes são".

"Eis como Miró proporcionou um encontro como o de hoje, sortilégio do génio dos grandes criadores culturais. Abrem caminho em encontros que vão ainda mais longe que as suas imaginações prodigiosas", declarou.

Lusa

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02