sicnot

Perfil

País

Cabify alerta clientes para eventuais transtornos provocados por manifestação

A plataforma de transporte de passageiros Cabify Portugal enviou este domingo mensagens aos seus clientes a alertar para eventuais transtornos no serviço na segunda-feira, dia em que está marcado um protesto dos taxistas.

"Tendo em consideração que esta paralisação irá diminuir as opções de mobilidade nestes centros urbanos, prevemos que o aumento da procura e do trânsito poderão afetar o serviço prestado pela Cabify durante este dia, tanto a nível de disponibilidade de veículos, como de tempos de espera e de chegada ao destino. Por isso, pedimos desde já desculpa por qualquer incómodo causado", lê-se na mensagem de correio eletrónico enviada hoje ao início da noite aos clientes daquela plataforma.

Cerca de seis mil táxis de todo o país são esperados na segunda-feira em Lisboa pelas associações do setor num novo protesto contra a atividade, que consideram ilegal, das viaturas das plataformas 'online' como a Uber ou a Cabify.

A marcha lenta "10/10 Todos a Lisboa -- Contra os Ilegais" começa às 07:00 com uma concentração no Parque das Nações e segue depois às 08:30 até à Assembleia da República, onde os taxistas prometem ficar até ter uma resposta do Governo.

A Cabify Portugal aconselha os seus clientes a procurarem "locais de recolha e de destino alternativos" aos pontos onde irá passar o protesto dos taxistas e que se mantenham em contacto com o motorista "para que possam definir um ponto de recolha o mais adequado possível".

Também a Uber enviou hoje mensagens aos seus clientes com conselhos para ajudar à mobilidade em Lisboa na segunda-feira.

A Uber e a Cabify são plataformas que permitem pedir carros descaracterizados de transporte de passageiros através de uma aplicação para smartphones à qual vários operadores estão ligados.

Lusa

  • Casal detido por torturar os 13 filhos em casa nos EUA

    Mundo

    Treze irmãos e irmãs foram encontrados presos em casa, alguns acorrentados, esfomeados e sujos, numa pequena localidade no estado norte-americano da Califórnia, e os pais foram detidos por tortura, anunciou a polícia norte-americana.

  • Morreu a cantora Madalena Iglésias

    Cultura

    A cantora Madalena Iglésias, que venceu o Festival da Canção em 1966 com a música "Ele e Ela", morreu hoje aos 78 anos numa clínica em Barcelona, Espanha. O velório realiza-se hoje, a partir das 18:00 locais (17:00 em Portugal), na sala 18 do Tanatório de Collserola, em Barcelona.

  • U2 regressam a Portugal em setembro

    Cultura

    16 de setembro, Altice Arena em Lisboa. A nova digressão da banda irlandesa U2 tem passagem garantida por Portugal. Os bilhetes são postos à venda ainda em janeiro, com condições especiais para membros do clube de fãs e os primeiros que compraram o mais recente álbum do grupo.

    Ricardo Rosa

  • "O grupo parlamentar do PSD vai ser um instrumento de força para ajudar Rui Rio"
    16:00