sicnot

Perfil

País

Pedro Santana Lopes e António Costa trocam elogios

O primeiro-ministro e o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa trocaram elogios. António Costa destacou o trabalho do antigo líder social-democrata e Pedro Santana Lopes distinguiu o Ministério da Saúde.

António Costa e Pedro Santana Lopes estiveram juntos na cerimónia de entrega dos prémios Santa Casa Neurociências 2016, que decorreu no Palácio Nacional da Ajuda e contou com a presença do ministro da Solidariedade e da Segurança Social, Vieira da Silva.

Numa cerimónia em que também esteve presente a viúva de João Lobo Antunes, a pediatra Maria do Céu Machado, o primeiro-ministro entregou o prémio Mantero Belard a Sandra Cardoso, investigadora principal de uma equipa do Centro de Neurociências da Universidade de Coimbra.

Momentos antes deste ato, o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa tinha entregado o prémio Melo e Castro à equipa liderada por Célia Duarte Cruz, da Universidade do Porto.

António Costa e Pedro Santana Lopes fizeram discursos pela positiva, ambos salientando a importância do apoio à investigação científica nacional na área das doenças degenerativas, tendo em vista o aumento da esperança de vida e, principalmente, a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos idosos, uma faixa etária cada vez maior no conjunto da população portuguesa.

O antigo primeiro-ministro social-democrata elogiou sobretudo a ação do Ministério da Saúde em termos "de cooperação" com os projetos da Santa Casa da Misericórdia, "o que nem sempre aconteceu".

O primeiro-ministro disse, por sua vez, que, desde o tempo em que assumiu as funções de presidente da Câmara de Lisboa, tem acompanhado em pormenor o trabalho de Pedro Santana Lopes enquanto provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

"Tem sido consigo que a Santa Casa se tem envolvido numa política absolutamente prioritária para o desenvolvimento do Serviço Nacional de Saúde e que tem a ver com os cuidados continuados. Neste domínio, a parceria com a Santa Casa é essencial, tanto no que respeita ao projeto [do Hospital] da Estrela, como o do Pulido Valente. Estas são excelentes causas senhor provedor", declarou o líder do executivo, dirigindo-se a Pedro Santa Lopes.

O bom clima entre Costa e Santana prolongou-se para além da sessão formal.

No final da cerimónia, os jornalistas questionaram António Costa sobre se a nova administração da Caixa Geral de Depósitos vai ser anunciada na sexta-feira.

O primeiro-ministro recorreu ao humor, tentando desviar as atenções de sí: "Dr. Santana Lopes, esta pergunta deve ser para si".

Pedro Santana Lopes riu-se e António Costa foi embora sem dizer mais nada.

Lusa

  • Buscas e apreensões na esquadra da PSP na Brandoa

    País

    O Ministério Público de Sintra esteve a fazer buscas e apreensões, esta manhã, na esquadra da PSP da Brandoa, no concelho da Amadora. De acordo com a Procuradoria-Gera Distrital de Lisboa, em causa estão crimes de corrupção passiva e ativa e abuso de poder.

  • Portugueses divididos na recondução da procuradora-geral da República
    1:31
  • "Os castigos incluiam sovas frequentes e até estrangulamento"
    5:03
  • Teste ao sangue deteta oito tipos de cancro

    Mundo

    Um novo teste sanguíneo experimental permitiu detetar precocemente os oito cancros mais frequentes em 70 por cento dos casos, de acordo com um estudo publicado na revista Nature feito por investigadores nos Estados Unidos.