sicnot

Perfil

País

Sindicato lamenta transtornos de greves nos aeroportos no fim do mês

© Rafael Marchante / Reuters

O Sindicato dos Trabalhadores da Aviação Civil e Aeroportos (SITAVA) lamentou esta quarta-feira os transtornos que serão causados aos passageiros pelas greves marcadas para o final do mês nos aeroportos e responsabilizou as empresas envolvidas no conflito.

"Não está nas mãos do SITAVA evitar que as greves se realizem. Esse ónus está no lado das multinacionais (Vinci, Prosegur e Securitas) no caso dos APA [Assistentes de Portos e Aeroportos], está nas mãos do sr. Humberto Pedrosa (no caso da SPdH/Groundforce) e nas mãos da Vinci (no caso da Portway). E está nas mãos do Governo, que pode fazer bem mais do que promover reuniões e espalhar promessas", disse o sindicato num comunicado.

Os trabalhadores da Groundforce e da Portway, que asseguram a assistência de pessoas e bagagem nos aeroportos nacionais, marcaram greve de 28 a 30 de dezembro, e os trabalhadores da Prosegur e Securitas, que asseguram o raio-x da bagagem de mão e o controlo de passageiros, vão estar em greve entre 27 e 29, o que poderá causar perturbações nos aeroportos no final do ano.

O SITAVA lembrou que os conflitos têm a ver com a falta de condições de trabalho, baixos salários, situações de precariedade e o risco de perda de postos de trabalho.

Lusa

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "No meu bairro perguntam-me se a medalha é de ouro e dizem que ma vão roubar e vender"
    4:46
  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05