sicnot

Perfil

País

Greve às horas extras continua no INEM até junho de 2017

Greve às horas extras continua no INEM até junho de 2017

Os trabalhadores do INEM querem receber horas extra em atraso e reclamam a aplicação das 35 horas semanais. A greve, iniciada em agosto, vai recomeçar a 6 de janeiro e será prolongada até junho de 2017.

  • Presidente do INEM anuncia contratações
    0:52

    País

    O presidente do INEM anunciou à SIC que o Instituto irá contratar 100 novos técnicos de emergência pré-hospitalar e garantiu que as horas extraordinárias em atraso já começaram a ser pagas. Luís Meira disse ainda que acredita que o prolongamento da greve às horas extraordinárias não terá grande impacto no serviço prestado às populações.

  • Horas extra por pagar no INEM

    País

    O INEM tem dívidas por pagar relativas a horas extra. Vários trabalhadores informaram que não voltam a fazer horas extra enquanto a situação não for regularizada. A falta de profissionais pode colocar em causa a eficácia na resposta a emergências.

  • Desfibrilhadores do INEM sob suspeita
    4:15

    País

    Além dos negócios do sangue, o Ministério Público e a PJ estão a investigar outros fornecimentos ao Estado por parte de empresas ligadas a Lalanda e Castro. A compra de desfibrilhadores pelo INEM à ILS é um deles. A ILS é, segundo fonte ligadas à investigação, a proprietária do carro que Luís Cunha Ribeiro, o ex-presidente do INEM, detido na semana passada, conduzia. Um de vários bens que Cunha Ribeiro pode ter recebido das empresas ligadas a Lalanda e Castro.

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.