sicnot

Perfil

País

Marcelo Rebelo de Sousa e Passos Coelho almoçaram esta quinta-feira em Belém

ANT\303\223NIO PEDRO SANTOS

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, almoçaram esta quinta-feira no Palácio de Belém, a convite do chefe de Estado.

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu Pedro Passos Coelho na sala de audiências do Palácio de Belém, às 13:00, momento que foi registado pela comunicação social.

Não houve, contudo, declarações aos jornalistas antes nem depois do almoço, que às 14:45 já tinha terminado, segundo fonte da Presidência da República.

Esta foi a segunda vez que o presidente do PSD esteve oficialmente a sós com o atual Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Passos Coelho tinha estado sozinho no Palácio de Belém em 21 de outubro, quando o chefe de Estado ouviu os partidos com assento parlamentar sobre o Orçamento do Estado para 2017 e a situação política.

Em 4 de abril, na sequência do Congresso do PSD, foi recebido pelo chefe de Estado, mas nessa ocasião trouxe consigo outros dirigentes sociais-democratas.

Entre 25 e 26 de julho, quando o Presidente da República recebeu os partidos para uma análise da situação política, o PSD compareceu com uma delegação que não incluía Passos Coelho, chefiada pela vice-presidente Sofia Galvão.

Segundo o gabinete de imprensa do PSD, nessa ocasião Passos Coelho não chefiou a delegação social-democrata por motivo de doença.

Lusa

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "Situação humanitária dos civis em Ghouta é aterradora"
    0:49

    Mundo

    O enviado especial da ONU para a Síria lançou esta sexta-feira um novo apelo a um cessar-fogo. O responsável está particularmente preocupado com a situação da população civil e diz que é preciso evitar que se repita em Ghouta o que se passou em Alepo.

  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05
  • Instantes de uma noite de futebol europeu
    0:41
  • Não dá mais, Brasil!
    18:00