sicnot

Perfil

País

Preço dos imóveis no centro histórico de Lisboa subiu 10% no 2º semestre de 2016

O preço dos imóveis no centro histórico de Lisboa aumentou 10% no segundo semestre de 2016 face ao semestre anterior, "continuando o percurso de clara valorização registado ao longo do ano", segundo o índice da Confidencial Imobiliário.

"No total do ano 2016, o preço dos imóveis subiu 19% quando comparado com o ano anterior", revelou a Confidencial Imobiliário, com base nos dados do Índice de Preços do Centro Histórico de Lisboa (IPCHL), que integra as freguesias lisboetas da Misericórdia, Santa Maria Maior e São Vicente.

De acordo com dados do índice, no primeiro semestre de 2016, o preço dos imóveis no centro histórico de Lisboa subiu 8%."Esta tendência crescente verifica-se já há cinco semestres sem interrupção, resultando numa subida de 46% nos preços nos últimos dois anos (no acumulado entre o segundo semestre de 2014 e o segundo semestre de 2016)", apurou a Confidencial Imobiliário.

Segundo o índice IPCHL, o centro histórico lisboeta tem valorizado "a um ritmo mais elevado que a totalidade da cidade de Lisboa", que nos dois últimos anos apresentou uma valorização acumulada de 36% nos preços do imobiliário. Em 2016, foram transacionados 2.267 imóveis no centro histórico de Lisboa, "num volume de investimento ligeiramente acima dos 700 milhões de euros", indicou a Confidencial Imobiliário, esclarecendo que o volume de investimento apurado inclui a venda quer de prédios quer de frações, reabilitados ou por reabilitar, nas áreas de habitação, retalho e serviços.

Para o diretor da Confidencial Imobiliário, Ricardo Guimarães, "a valorização mais forte observada no centro histórico deve-se, em parte, à forte procura por investimento nesta zona da cidade, onde se denota um robusto crescimento de projetos com usos turístico e de comércio e um crescente pendor de procura internacional".

A Confidencial Imobiliário é uma empresa independente, especializada na produção e difusão de indicadores de análise do mercado imobiliário, detendo índices e bases de dados sobre investimento e sobre os mercados de compra e venda e de arrendamento de fogos, com detalhe à freguesia.

Lusa

  • Governo quer que avaliação fiscal dos imóveis seja feita pelas autarquias
    3:18

    País

    A proposta do Governo para a descentralização não conta com o apoio da esquerda parlamentar e esbarra também na rejeição das próprias autarquias em relação à transferência de competências em alguns setores. Uma das medidas mais polémicas é a que prevê que os municípios passem a fazer a avaliação fiscal dos imóveis.

  • IMI nas mãos das autarquias

    País

    A avaliação do valor patrimonial dos imóveis deverá passar a ser competência das câmaras municipais. É uma das medidas previstas no diploma que põe em marcha a descentralização e que o Governo enviou esta quarta-feira para o parlamento.

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    1:41
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.

  • A SIC visitou os bastidores do Santuário de Fátima
    7:43
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52