sicnot

Perfil

País

PJ detém suspeitos de assalto a carrinha de valores e homicídio em Sintra

O assalto aconteceu junto a um hipermercado.

M\303\201RIO CRUZ

Foram detidos os suspeitos do assalto à mão armada a uma carrinha de valores em Lourel, Sintra, em fevereiro do ano passado. Durante a fuga, os assaltantes dispararam para fazer parar um carro e mataram o condutor.

Última atualzação às 11:05

O assalto aconteceu junto a um hipermercado, no dia 28 de fevereiro de 2016. O grupo travou o caminho à carrinha de valores e disparou sobre o veículo.

Na fuga, o carro onde seguiam despistou-se e, para continuarem a fugir, tentaram o carkacking. A vítima mortal seguia então com a família. O homem ainda conseguiu levar o carro até junto às portagens da A16, mas acabou por morrer.

Os suspeitos estavam há mais de um ano a ser procurados pela Unidade Nacional contra o Terrorismo, da Polícia Judiciária.

Em comunicado, a PJ explica que identificou e deteve agora "três dos presumíveis integrantes de uma associação criminosa, à qual se imputa a autoria de um crime de homicídio, bem como de um crime de roubo qualificado".

A polícia tinha já detido "um dos autores dos factos, através do cumprimento de um Mandado de Detenção Europeu, encontrando-se outros dois dos suspeitos já devidamente identificados e detidos à ordem de outros inquéritos".

Agora "fica integralmente identificada a composição da estrutura criminosa".

  • A promessa que João Mário vai ter de cumprir se Portugal for campeão
    1:36

    Rumo ao Mundial 2018

    Oito jogadores da seleção participaram num evento em que responderam às dúvidas de jovens adeptos, em Lisboa. Os jogadores mostraram-se otimistas pelo caminho que têm em frente. Já João Mário foi confrontado com a promessa que não cumpriu de deixar crescer o cabelo se Portugal vencesse o Euro 2016. Agora, faz uma nova promessa: se Portugal for campeão mundial, deixa crescer o cabelo à Fellaini.

  • Estudo acaba com teorias da conspiração sobre a morte de Hitler

    Mundo

    Existem algumas versões sobre o desaparecimento do ditador nazi, Adolf Hitler. Há quem diga que viajou para um país da América do Sul, outros acreditam que está escondido na Antártida e há até quem vá mais longe e acredita que estaria na Lua. Mas, teorias da conspiração à parte, a história oficial diz que Hitler suicidou-se num bunker, em Berlim, Alemanha.

    SIC

  • Universidade de Coimbra não retira Honoris Causa a Lula da Silva
    3:30