sicnot

Perfil

País

PCP quer ouvir ministro e utentes do ramal da Lousã no Parlamento

PAULO NOVAIS

O PCP requereu a audição do ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, e das comissões de utentes do desativado ramal ferroviário da Lousã, na Comissão de Economia, disse hoje fonte do grupo parlamentar comunista.

O próprio responsável da tutela encontra-se hoje naquela localidade do distrito de Coimbra, apresentando um novo projeto de mobilidade entre Lousã e a "Cidade dos Estudantes", considerando tratar-se de uma solução "mais favorável" para as populações do que a ferrovia ou o metro ligeiro.

Pedro Marques afirmou, na Lousã, que o Sistema de Mobilidade do Mondego (SMM), com autocarros elétricos em vez de transporte sobre carris, levará três anos e meio a entrar em funcionamento, com o prazo contado a partir de hoje.

O governante falava nos Paços do Concelho da Lousã, distrito de Coimbra, numa sessão pública em que técnicos do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) apresentaram um estudo para a introdução do denominado "sistema metrobus" no canal do ramal ferroviário da Lousã, encerrado há sete anos para obras que depois pararam, e na área urbana de Coimbra.

Lusa

  • O Metro(bus) do Mondego
    2:17

    País

    A ligação entre a Lousã e Coimbra vai passar pela utilização do metrobus, um sistema de autocarros elétricos. Foi apresentada esta manhã a solução para repor a mobilidade onde a ferrovia foi retirada para dar lugar ao metro de superfície, num projecto que nunca foi terminado. 

  • Defesa do Ramal da Lousã rejeita metrobus

    País

    O Movimento Defesa do Ramal da Lousã (MDRL) não aprova o sistema de mobilidade em metrobus apresentado hoje pelo Governo para o canal ferroviário entre Lousã e Coimbra, encerrado há sete anos para obras que depois pararam.

  • Eis os novos heróis de Vila de Aves
    3:03
  • Desportivo das Aves fora da Liga Europa

    Desporto

    O Desportivo das Aves não vai à Liga Europa e o Sporting terá entrada direta na fase de grupos. Apesar da conquista da Taça de Portugal, a equipa avense não se licenciou em tempo útil para poder participar na prova da UEFA, apurou a SIC.

  • E agora, Sporting? Semana de decisões e incertezas
    2:53
  • "Para primeiro dia de pesca da sardinha, não foi mau"
    2:19
  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29

    País

    José Sócrates garantiu este domingo que não atacará o PS e que continua a ser socialista. O antigo primeiro-ministro participou num almoço de apoio, em Lisboa, com cerca de 100 pessoas, a maioria anónimos.