sicnot

Perfil

País

Pólenes em níveis elevados ou muito elevados nos próximos dias

(Arquivo)

REUTERS

As concentrações de pólenes no ar vão estar em níveis elevados ou muito elevados em quase todas as regiões de Portugal continental nos próximos sete dias, segundo o Boletim Polínico da Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica (SPAIC).

Para a semana de 16 a 22 de junho, apenas a região do Algarve vai registar concentração de pólenes no ar considerada moderada, predominando os pólenes da árvore castanheiro e das ervas gramíneas.

Nas regiões de Trás -Os-Montes e Alto Douro e Entre Douro e Minho as concentrações de pólenes esperam-se muito elevadas a partir de sexta-feira.

Nestas regiões, predominam os pólenes da árvore castanheiro e das ervas gramíneas e parietária.Na Beira Interior, Beira Litoral, Lisboa e Évora os níveis serão elevados.

No Funchal os pólenes encontram-se em níveis baixos, enquanto em Ponta Delgada estão em níveis moderados.

A alergia ao pólen é causa frequente de manifestações alérgicas, que podem ser do aparelho respiratório (asma e rinite alérgica), dos olhos (conjuntivite alérgica) ou da pele (urticária e eczema).

O Boletim Polínico efetua a divulgação semanal sobre os níveis de pólenes existentes no ar atmosférico recolhidos através da leitura de postos que fazem uma recolha contínua dos pólenes em várias regiões do País.

Lusa

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".