sicnot

Perfil

País

Concelho de Castro Marim em risco máximo de incêndio

© Alkis Konstantinidis / Reuter

O concelho de Castro Marim, no distrito de Faro, apresenta hoje risco máximo de incêndio, segundo informação disponível na página da Internet do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, vários concelhos dos distritos de Faro, Beja, Portalegre, Santarém, Lisboa, Leiria, Coimbra, Vila Real, Castelo Branco, Guarda, Viseu e Bragança estão em risco muito elevado e elevado de incêndio.

Os outros concelhos do continente apresentam risco moderado e reduzido de incêndio.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, que podem variar entre reduzido e máximo. O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00, em cada dia, relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

O Instituto prevê para hoje, no continente, períodos de céu muito nublado, tornando-se gradualmente pouco nublado ou limpo na região Sul, a partir do meio da manhã e nas regiões Norte e Centro, a partir do início da tarde, e possibilidade de ocorrência de períodos de chuva fraca no litoral das regiões Norte e Centro, até ao início da manhã.

A previsão aponta, ainda, para vento fraco a moderado de noroeste, soprando moderado a forte com rajadas até 65 quilómetros por hora no litoral oeste, a partir do final da manhã, e nas terras altas, neblina ou nevoeiro matinal e pequena descida da temperatura mínima.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão oscilar entre 17 e 25 graus Celsius, no Porto entre 16 e 24, em Vila Real entre 13 e 29, em Viseu entre 11 e 27, em Bragança entre 13 e 30, em Coimbra entre 15 e 25, em Castelo Branco entre 14 e 31, em Santarém entre 16 e 27, em Portalegre entre 12 e 30, em Évora entre 14 e 31, em Beja entre 13 e 31 e em Faro entre 17 e 31.

Lusa

  • Confirmados dois novos casos de legionella

    Legionella

    Dois novos casos de legionella foram esta quarta-feira confirmados. A informação foi avançada em comunicado pela Direção-Geral da Saúde. Tratam-se de duas pessoas com mais de 80 anos, internadas no Hospital São Francisco Xavier e no Egas Moniz, ambas em situação clínica estável.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50

    País

    A água é um recurso essencial para todos os organismos vivos, comunidades e atividades económicas. Num país com situações de secas recorrentes, que tendem a ser agravadas pelas alterações climáticas, o que aprendemos com anteriores episódios de escassez de água? Como usar a água para que não falte no futuro? "Água Sob Pressão" foi o tema desta Grande Reportagem, de Carla Castelo (jornalista), Manuel Ferreira (Imagem), Gonçalo Freitas (Edição de imagem), Paulo Alves (Grafismo) e Isabel Mendonça (Produção), exibida na SIC em julho de 2012 (que também foi um ano de seca, ainda que menos grave do que a atual).

  • Jorge Jesus e Ana Malhoa contra o consumo de sal
    1:21
  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.

  • Quem é o novo Presidente do Zimbabué?
    2:15