sicnot

Perfil

País

Governo vai alterar licenças de descargas no rio Tejo

Governo vai alterar licenças de descargas no rio Tejo

O primeiro-ministro diz que o Governo vai alterar as licenças de descarga de resíduos no rio Tejo para combater a poluição verificada nas últimas semanas. Esta é uma das medidas que António Costa anunciou durante o debate quinzenal, na resposta às questões colocadas sobre o tema pelo Bloco de Esquerda e pelo partido ecologista "Os Verdes".

A promessa de Costa foi feita em resposta a uma pergunta da coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, que pediu "uma palavra forte" a António Costa sobre o assunto, questionando se a imposição de reduzir a produção por dez dias não poderá ser vista como uma "medida cosmética".

"É cosmética ou [a indústria de celulose) é obrigada a reduzir a produção?", perguntou Catarina Martins.

Na resposta, António Costa garantiu tratar-se de uma "medida cautelar que terá necessariamente continuidade se não tiver alteração", admitindo as alterações às licenças de descarga.

Para o chefe do Governo, o Tejo tem "um caudal inferior à capacidade de tratamento" dos poluentes produzidos pela indústria, que responsabiliza pelas descargas da última semana.

Antes, Catarina Martins afirmou que este problema exige "uma palavra muito forte para travar a produção das celuloses cujos efluentes não são tratados e são comprovadamente culpados pela situação" no rio Tejo, em Abrantes.

  • Quais são as celuloses a montante de Abrantes?

    País

    Sem apontar um responsável direto, a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) responsabilizou esta quarta-feira as indústrias da pasta de papel, a montante de Abrantes, pela carga poluente no Tejo que se tornou visível no passado dia 24 no açude de Abrantes. A montante, em Vila Velha de Ródão, estão a funcionar atualmente três fábricas do setor da celulose: Celtejo, The Navigator Company e Paper Prime. A Celtejo é a maior, e cujo volume de efluente rejeitado no Tejo representa cerca de 90% do total das três fábricas.

  • Desportivo das Aves fora da Liga Europa

    Desporto

    O Desportivo das Aves não vai à Liga Europa e o Sporting terá entrada direta na fase de grupos. Apesar da conquista da Taça de Portugal, a equipa avense não se licenciou em tempo útil para poder participar na prova da UEFA, apurou a SIC.

  • Eis os novos heróis de Vila de Aves
    3:03
  • E agora, Sporting? Semana de decisões e incertezas
    2:53
  • Já se pode pescar sardinha mas há limitações

    País

    A proibição da pesca da sardinha termina hoje, podendo, até 31 de julho, os pescadores capturar 4.855 toneladas, com limites diários, medidas de proteção dos juvenis e monitorização da pescaria, disse à Lusa o Ministério do Mar.

  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29