sicnot

Perfil

CAPA_SITE_02.jpg

Cartaz

SEGUNDA A SEXTA 14:30

Cartaz

Jessica Chastain em papel digno de Óscar

Cartaz de Cinema

Jessica Chastain em papel digno de Óscar

João Lopes

João Lopes

Crítico de cinema

Será que Jessica Chastain conseguirá chegar a uma nomeação para o Óscar de melhor actriz com a sua interpretação em “Miss Sloane”? João Lopes comenta as principais estreias da semana, destacando também a reposição de “O Estado das Coisas”, de Wim Wenders, co-produzido por Paulo Branco.

Já nomeada para um Globo de Ouro, Jessica Chastain regressa com um papel digno de uma nova nomeação para um Óscar. Em “Miss Sloane”, ela interpreta uma profissional envolvida nos jogos dos “lobbies” americanos, em particular nos bastidores políticos de Washington — a realização é de John Madden.

O espanhol Albert Serra realizou “A Morte de Luís XIV”, numa co-produção a que está ligada a empresa portuguesa Rosa Filmes: um retrato íntimo dos derradeiros dias do Rei Sol, interpretado por Jean-Pierre Léaud, actor lendário do cinema francês.

Ben Affleck volta a assumir funções de realizador em “Viver na Noite”, uma história de gangsters no período da Lei Seca, inspirada num romance de Dennis Lehane — além do mais, Affleck é ainda o actor principal e responsável pelo argumento.

As reposições de clássicos começam a acontecer logo no arranque do ano: “O Estado das Coisas” (1982), de Wim Wenders, aí está em cópia restaurada — uma história nostálgica sobre uma equipa de cinema a quem falta a película para continuar a filmar; foi, em grande parte, rodado em Portugal.

* Banda sonora: “New York, New York” (1977), de Martin Scorsese

> “New York, New York”, Liza Minnelli

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • "Foi um golpe muito forte"
    1:41
  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • SIC acompanhou Francisco George no último dia como diretor-geral da Saúde
    6:20