sicnot

Perfil

perdidos e achados.png

Perdidos e Achados

SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

Perdidos e Achados

''Noivas de Santo António''

Torna-se difícil, para não dizer impossível, não nos rendermos à história de amor de Maria de Lurdes e José Soares. Ao fim de 57 anos de casados continuam a trocar olhares apaixonados.

Maria de Lurdes e José Soares namoravam há 2 anos quando José viu o anúncio das Noivas de Sto António no "Diário Popular".

Maria de Lurdes e José Soares namoravam há 2 anos quando José viu o anúncio das Noivas de Sto António no "Diário Popular".

No primeiro anos das Noivas de Santo António houve 150 casais inscritos mas apenas 50 foram selecionados.

No primeiro anos das Noivas de Santo António houve 150 casais inscritos mas apenas 50 foram selecionados.

Conheceram-se em 1956, Maria de Lurdes tinha apenas 14 anos e José tinha 18. Dizem que foi amor à primeira vista.
Casaram passados 2 anos de namoro, em 1958,  na primeira edição das ''Noivas de Santo António''. A iniciativa foi criada pelo, já extinto,  jornal 'Diário Popular' para prestar homenagem ao Santo Casamenteiro e para dar apoio aos casais mais pobres da zona de Lisboa.
As Noivas de Santo António terminaram em 1974 e só foram retomadas 23 anos depois, pela Câmara Municipal de Lisboa. 
Hoje, este evento tornou-se uma autêntica tradição Alfacinha que marca a altura das festas de Lisboa.
Atualmente o evento chama-se ''Casamentos de Santo António'' e sofreu algumas mudanças mas a sua essência permanece a mesma. 
No próximo Perdidos e Achados, vamos folhear o álbum de casamento do casal Soares e de outros 2 casais que casaram pelas Noivas de Santo António.

Jornalista: Patrícia Mouzinho

Repórter de Imagem: Nuno Fróis

Edição de Imagem: Andrés Gutierrez

Produção: Cláudia Araújo, Madalena Durão

Coordenação: Maria João Ruela

Direção: Alcides Vieira

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22