sicnot

Perfil

perdidos e achados.png

Perdidos e Achados

SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

Perdidos e Achados

Santo Rali

No Perdidos e Achados recordamos o aparatoso acidente no rali de Portugal de 1986. O despiste de Joaquim Santos, que provocou a morte de três pessoas, feriu mais de trinta, e marcou o princípio do fim de uma época gloriosa do desporto automóvel.

O despiste do carro de Joaquim Santos no rali de Portugal de 1986 marca o principio do fim de uma época gloriosa do desporto automóvel.

O despiste do carro de Joaquim Santos no rali de Portugal de 1986 marca o principio do fim de uma época gloriosa do desporto automóvel.

Alexandre Dâmaso foi um dos 33 feridos do aparatoso acidente.

Alexandre Dâmaso foi um dos 33 feridos do aparatoso acidente.

O Rali de Portugal era considerado o melhor do mundo. Recheado de espectadores e com um traçado elogiado por todos os pilotos

Naquele tempo as provas eram disputadas pelos automóveis mais velozes de sempre: os carros do Grupo B.

Automóveis potentes e revolucionários que atraiam milhares de espectadores às provas.

O público corria risco de vida para ver e aproximar-se das super máquinas. Os pilotos conduziam no fio da navalha.

Dizia-se na gíria que existia em Portugal o "Santo Rali", protetor da prova, até então.

Este sábado, a poucos dias do início de mais uma prova do rali de Portugal, recuperamos os testemunhos que descrevem um dia negro, mas também retratam uma época marcante da modalidade.

Jornalista: Isabel Osório

Repórter de Imagem: Pedro Cardoso

Edição de imagem: Tiago Martins

Produção: Madalena Durão

Coordenação: Luís Marçal

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.