sicnot

Perfil

Grande Reportagem SIC

Grande Reportagem SIC "Depois da Fraude" distinguida com o prémio Gazeta

A Grande Reportagem da SIC "Depois da Fraude", emitida em dois episódios, em novembro do ano passado, conquistou, esta terça-feira, o prémio Gazeta de televisão.

O trabalho segue o rasto do BPN e mergulha no detalhe da sua herança tóxica.

O trabalho segue o rasto do BPN e mergulha no detalhe da sua herança tóxica.

SIC

O trabalho, assinado pelo jornalista Pedro Coelho, com imagem de Luís Pinto, edição de imagem de Ricardo Tenreiro e design visual de Alexandre Ferrada, segue o rasto do BPN e mergulha no detalhe da sua herança tóxica.


A Grande Reportagem desvenda o universo Parvalorem e as vidas dos antigos trabalhadores do banco de Oliveira e Costa, que estão prestes a perder o posto de trabalho.


A segunda parte detalha o perfil de alguns dos principais devedores do banco, relatando a participação de cada um no buraco superior a 4 mil milhoes de euros, que o país já pagou.


O Clube dos Jornalistas, entidade que atribui o prémio, classificou 'Depois da Fraude' como trabalho "expressivo e bem documentado". 

  • Depois da Fraude (1ª Parte): A Herança
    37:16

    A Fraude

    A Parvalorem gere uma carteira de dividas de 4, 5 mil milhões de euros. Contudo, gere igualmente os 300 funcionários do BPN que ainda resistem e que não foram contratados pelo BIC quando o banco angolano comprou o BPN. A Grande Reportagem desta quinta-feira mostra-lhe uma empresa doente, que esteve parada, literalmente, durante dois anos. O relato completo de seis anos de angústia. A segunda parte da Grande Reportagem será transmitida esta sexta-feira.

  • A Catalunha "está farta da prepotência e dos abusos do governo"
    0:30
  • "Não há um verdadeiro debate democrático em Espanha"
    2:24
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    No Quadratura do Círculo desta quinta-feira, José Pacheco Pereira disse que este braço de ferro em território espanhol reforça a linha autoritária que existe em Espanha. Jorge Coelho considera que é urgente recorrer à diplomacia para definir um caminho a médio ou a longo prazo. Já o gestor Manuel Queiró afirma que Portugal não deve encarar este referendo com condescendência. 

  • Uber perde licença para operar em Londres

    Economia

    O regulador de transporte de Londres decidiu hoje que vai retirar à Uber a licença para operar na capital britânica. A proibição entra em vigor no final deste mês e vai afetar 40 mil motoristas da empresa multinacional norte-americana.

  • A corrida ao iPhone 8 no Japão, China e Austrália
    2:04
  • Óculos inteligentes permitem controlar telemóvel com o nariz
    1:05
  • Família Portugal Ramos
    15:01