sicnot

Perfil

Sociedade das Nações

A comunidade de Santo Egídio

A comunidade de Santo Egídio é um influente movimento internacional de laicos, com mais de 50 mil membros em todo o mundo, que tem liderado a resolução de conflitos. Mediaram a paz em Moçambique, na Argélia, na Colômbia, e querem agora ajudar também à reconciliação na Síria. Santo Egídio abre ainda uma representação em Portugal e propõe um plano concertado e ordenado de acolhimento de refugiados.

Numa altura em que a Rússia começa uma campanha de defesa de Bashar al Assad,o presidente da comunidade, Marco Impagliazzo, explica no Sociedade das Nações de que forma a organização tem acompanhado o conflito e a crise dos refugiados. Impagliazzo sublinha a necessidade de se trabalhar para a construção da paz e lembra que os ideais europeus assentam no princípio da solidariedade.

A Comunidade de Santo Egídio é uma organização católica fundada em 1968 no bairro de Trastevere, em Roma, Itália, dedicada à caridade, evangelização e promoção da paz. Fundada por Andrea Riccardi, também é conhecida como "a pequena ONU do Trastevere" pela dedicação aos pobres.

  • Polícia procura condutor da carrinha e outros dois suspeitos
    1:08
  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.

  • Um encontro português (e inesperado) em alto mar
    2:38