sicnot

Perfil

Vida

Dia Mundial da Alimentação celebrado em Roma com fome e preços dos cereais na agenda

A comunidade internacional reúne-se hoje em Roma para celebrar o Dia Mundial da Alimentação, sob a égide da ONU, e refletir sobre os meios para reduzir as tensões nos mercados dos cereais.

© Navesh Chitrakar / Reuters

A Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO),  com sede em Roma, acolhe a reunião do Comité de Segurança Alimentar (CFS)  constituído por outras agências da ONU, especialistas e representantes da  sociedade civil. 

De acordo com as últimas previsões da FAO, 870 milhões de pessoas ainda  passam fome no mundo. Apesar de este número estar a recuar (1.000 milhões  entre 1990-1992), permanece "muito alto", afirmou o diretor-geral desta  organização, José Graziano da Silva. 

A crise alimentar temida este verão com a seca que atingiu os Estados  Unidos, um grande produtor mundial de cereais, não chegou a acontecer, mas  a tensão continua e os preços nos mercados internacionais estão elevadíssimos,  depois da descida das previsões noutros grandes produtores, caso da Rússia,  União Europeia e da região do Mar Negro. 

"Os preços dos alimentos são muito voláteis e perigosamente altos",  disse a propósito da iniciativa o relator especial da ONU sobre o Direito  à Alimentação, Olivier De Schutter, que pediu "uma resposta imediata" para  estabilizar os preços. 

Pelo menos 36 ministros, incluindo da Rússia, Coreia do Sul, Japão,  Brasil, Bangladesh, Filipinas, Camarões, mas também da Alemanha, Itália  e do Reino Unido, já confirmaram a participação no encontro.

  • "Não podemos deixar morrer a utopia"

    País

    O Presidente da República disse esta quarta-feira querer que os portugueses não deixem de perseguir a utopia na sociedade, na economia e na política, mas de forma plural, porque só assim se foge ao populismo antissistema.

  • Mulher assassinada pelo namorado em Faro

    Violência doméstica

    Uma mulher de 31 anos foi encontrada morta esta quarta-feira, em Faro. Ao que tudo indica, o homicida terá sido o namorado, que durante várias horas se barricou no quarto enquanto ameaçava atirar-se do sétimo andar. O casal tinha um historial de violência doméstica e o homem, de 37 anos, já tinha sido detido por violar a namorada.

  • Duas crianças e uma professora feridas em tiroteio numa escola dos EUA
  • E se Tom Hanks aparecesse no seu casamento?

    Mundo

    O casal norte-americano Elisabeth e Ryan queriam um casamento "à Hollywood". Para a tradicional sessão de fotos, escolheram o Central Park, em Nova Iorque, que tantas vezes já serviu de cenário a enlaces no grande écrã. Do que certamente Elisabeth e Ryan não estavam à espera é que um dos mais famosos atores de cinema - Tom Hanks - aparecesse acidentalmente no seu casamento e se juntasse aos noivos na sessão fotográfica.

  • Será o fim dos BlackBerry?

    Mundo

    A BlackBerry vai deixar de produzir hardware e passar a fabricar exclusivamente software. Não estão previstos novos telemóveis da marca, mas se vir por aí um novo fique a saber que não foi produzido pela empresa. O anúncio foi feito pelo CEO, John Chen, esta quarta-feira.

  • Digital Business Congress já está em Lisboa

    Economia

    O Digital Business Congress decorre até esta quinta-feira, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa. No encontro que debate o futuro das telecomunicações, participam os vários responsáveis pelo setor. Marcelo Rebelo de Sousa e o ministro da Cultura participaram esta quarta-feira no evento.